JUAZEIRO DO NORTE: Município recebe exposição sobre o fantástico mundo das gravuras na cultura nordestina


Premiada pela Funart, exposição Bestiário Nordestino abre dia 04, no Centro Cultural Banco do Nordeste, em Juazeiro do Norte

A mitologia nordestina, a dualidade humana e a poderosa arte da xilogravura são temas da exposição inédita Bestiário Nordestino - Um olhar sobre a gravura fantástica que, após temporada em São Paulo, chega a Juazeiro do Norte com abertura no dia 04 de janeiro, no Centro Cultural Banco do Nordeste.


Resultado de pesquisas e imersões dos artistas e curadores Rafael Limaverde e Marquinhos Abu pelo Nordeste brasileiro, a exposição apresenta 40 peças únicas de 15 artistas de origens diferentes, mas com uma marca em comum: enorme talento para a arte do entalhe na madeira.

Contemplado pelo Prêmio Funarte Conexão Circulação Artes Visuais, Bestiário Nordestino busca entender o mundo fantástico por trás das bestas feras, das animalidades, dos demônios e dos assustadores híbridos que permeiam a cultura da xilogravura estampada na capa de cordéis e nos entalhado das esculturas populares.

“Dentro do universo da gravura nos atentamos a um tema muito particular que não é sempre abordados pelos artistas: esses seres fantástico, assombrações e monstros, esse mundo estranho e particular, essa necessidade do irreal, a despeito da beleza e do gosto popular”, explica o curador Rafael Limaverde.

O que querem dizer, afinal, estas imagens que tantos nos acompanham no cotidiano?

Em um projeto de pura imersão neste imaginário do nordestino que copia, deforma e recria figuras ao longo da história, Bestiário Nordestino expõe obras de grandes nomes da xilo arte nacional como José Costa Leite (Condado/PB), J. Borges (Bezerros/PE) e Abraão Batista (Juazeiro do Norte/CE) e a exibe pela primeira vez fora do Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará gravuras deste que é o principal acervo de matrizes do país.

SERVIÇO
Bestiário Nordestino - Um olhar sobre a gravura fantástica
Quando: 04 de janeiro de 2019
Horário: 18h
Local: Centro Cultural Banco do Nordeste
Rua São Pedro, 337, Juazeiro do Norte - Ceará
Gratuito

LIVRO CATÁLOGO SERÁ LANÇADO NA NOITE DE ABERTURA

Ainda na noite de abertura de Bestiário Nordestino - Um olhar sobre a gravura fantástica no Centro Cultural Banco do Nordeste, em Juazeiro do Norte, haverá o lançamento do livro catálogo com pesquisa, reflexões e contribuições de pensadores sobre o tema da exposição.

ARTISTAS PARTICIPANTES

Abraão Batista (Juazeiro/CE), Adriano Brito (Crato/CE), Guto Bitu (Crato/CE), Carlos Henrique (Crato/CE), Carlus Campos (Fortaleza/CE), Francisco de Almeida (Fortaleza/CE), J.Borges (Bezerros/PE), José Costa Leite (Condado/PB), Lourenço Gouveia (Recife/PE), Maurício Castro (Recife/PE), Nilo (Juazeiro do Norte/CE), Roberto Galvão (Fortaleza/CE), Rafael Limaverde (Fortaleza/CE), Sebastião de Paula (Fortaleza/CE), Stênio Diniz (Juazeiro/CE), Damásio Paulo (Juazeiro/CE), Antônio Lino (Juazeiro/CE), Walderêdo Gonçalves (Juazeiro/CE) e Justino P. Bandeira (Juazeiro/CE).

CURADORIA

Rafael Limaverde é xilogravurista, grafiteiro, designer e ilustrador. Ex-integrante do grupo Acidum, expôs na Funarte (São Paulo/SP e Rio de Janeiro/RJ), Salão de Abril (Fortaleza/ CE) e Mostra Sesc Cariri (Crato/CE). Foi curador da Exposição Eco Barroco no CCBNB (Centro Cultural Banco do Nordeste) – Fortaleza (2011). Como grafiteiro, realizou trabalhos em quatro edições do Festival Concreto - Fortaleza (2013, 2015, 2016, 2017) e Festival Bahia de Todas as Cores - Candeias/BA (2017). Pesquisa, atualmente, desenhos, pinturas, gravuras e assemblages, tendo como referência a cosmovisão religiosa, tanto litúrgica (sacralizada pela igreja) como a paralitúrgica (sacralizada pela religiosidade popular).

Marquinhos Abu é Grafiteiro, arte educador, produtor e membro do Coletivo Aparecidos Políticos, participou da curadoria do Ateliê Aparecidos Políticos no Sobrado José Lourenço, em Fortaleza/CE. No município de Crato/Ce, Abu desenvolveu o projeto Retratos de Memória do Gesso, com o registro e pintura em stêncil de moradores históricos da comunidade. Participou, também, da produção do projeto Oco do Mundo, gravado no sertão nordestino, e do documentário ‘Desbravadores - Street View Trekker. Compõe, ainda, a equipe de produção do Concreto Festival Internacional de Arte Urbana, além de seguir participando de festivais de grafite pelo Brasil. Recentemente, fez parte da Caravana Concreto no México, participando do Festival Ciudad Mural.

MAIS INFORMAÇÕES

(88) 9 9696.2469
(85) 9 9747-2188

JUAZEIRO DO NORTE: Município recebe exposição sobre o fantástico mundo das gravuras na cultura nordestina JUAZEIRO DO NORTE: Município recebe exposição sobre o fantástico mundo das gravuras na cultura nordestina Reviewed by Folha Cratense on dezembro 28, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.